Patrick Gomes , apesar de ter escrito o post há um bom tempo sobre UX Developer, parece que ainda no Brasil o termo não é bem difundido entre as oportunidades de emprego, assim como a maioria das empresas, a separação de UX, front-end e back-end ainda me parece bem estrita, e acaba por se misturarem quando se trata de startup onde vários papéis são necessários para uma pessoa por serem empresas pequenas.

Acredito que é um termo mais popular nos EUA e na Europa também não vejo muitas vagas com este papel. O que achei curioso que ontem mesmo vi uma com o título “Front-end with UX competencies”, mas não é comum.

O mercado de front-end aqui é bem aquecido, há muitas oportunidades mas na minha opinião vejo mais vagas para profissionais full-stack ou de dev-ops, pois vejo que aqui demanda muito por operações e infraestrutura.

Os requisitos para front-end é sem dúvida o domínio no inglês, ter uma experiência vasta em tecnologias como React e Angular e ter uma formação superior, mesmo que tecnológica(que não conta para o emprego em si, mas para imigração quando for aplicar pelo visto)

Espero ter ajudado e esclarecido as dúvidas Patrick Gomes, e muito bom falar sobre esses assuntos, que agora se convergem.

Fique a vontade para entrar em contato comigo diretamente se deseja tentar carreira por aqui.

Citizen Scientist and Software Engineer, looking for the limits beyond mind and machine exploring the world

Citizen Scientist and Software Engineer, looking for the limits beyond mind and machine exploring the world